quarta-feira, 29 de outubro de 2008

sensações-impressões estranhas.

não queria me tornar aos olhos de alguém só a coisa dura.
mas a outra parte, a parte inteira depende de sensações, fortes, de turbilhões, puros...

tô quase falando feliz 21 anos antecipado, é tanta coisa para um ano, os dias foram meio multiplicados.

depois de passar tudo, será que vem o que agora?

acho que é a hora de fugir um pouco do lado de cá.

Um comentário:

mauricio-caetano disse...

depois da familia cristã, todos passaram a precisar de um pouco de tudo e de todo mundo