quinta-feira, 30 de outubro de 2008

pérolas do cotidiano


Pérolas que alimentam os meus dias e tornam eles cada vez mais bizarros:

Manhã:
Enquanto inicio meu dia organizando os livros e o seu Benedito inicia o seu como sempre em leituras em voz alta na livraria. Passo ao lado e não posso me conter à pergunta ao ouvir um trecho um tanto estranho de um livro:
- Que é isso?
- Você sabe falar caipira, Tatiana?
- Ih... Acho que nem sei.
- Eu sei. Quer ver?
- "Eu vô fazê farinha".

Tarde:
Senhora enquanto aguarda a impressão do boleto:
- Tá de quantos meses?
- (risos) eu não estou grávida...
E segue-se milhares de desculpas e uma senhora quase morta de vergonha.

Fim de tarde:
Caminho rapidamente até o ponto de ônibus, quando observo um menino de 6/7 anos dançando enquanto caminha com a mãe. De repente ele me olha e solta:
- Você sabe dançar psy?
- Não sei. Você vai me ensinar?
E começa a dançar na rua.

2 comentários:

duda disse...

O último menininho que veio falar comigo assim na rua, chegou dizendo "Moça, tu é a Roberta????? *.*" hahahahaha

Teu dia parece ter sido gostoso...
Hoje eu fiz todo meu trajeto tentado fugir das pessoas, do moviemnto. Isso é estranho. Eu geralmente gosto de estar assim no meio, vivendo junto. Mas hoje isso parecia tão perturbador...

duda disse...

movimento*