sexta-feira, 29 de agosto de 2008

explosões;

Tive uma daquelas sensações imensas que tem permeado minha vida nas últimas semanas. São como as explosões que Caio F. me traz diante dos olhos. Ler os morangos mofados é encontrar as duas linhas que se cruzam o tempo todo em nossas vidas, a felicidade e o abismo. Minha quinta-feira foi a síntese perfeita dessa mistura de calmaria e explosão que sempre invade meu corpo e minha mente. A sensação única de caminhar entre as árvores, pisando em folhas secas, diante de uma explosão de fogos de artíficio no céu. Algo muito próximo, quase rente ao corpo que de um segundo à outro parecia que os raios saíam mais de dentro de mim do que daquele abismo azul.

2 comentários:

bea disse...

as folhas do outono são as minhas preferidas não é à toa.
mas agora a senhorita caminha de noite sozinha, então?

cláudia i. vetter disse...

Tuas sinestesias são boas misturas. As mesmas que se aplicam com tuas absorções; eu as encontro muito boas.

Bom final de semana pra você!

;)