sábado, 24 de outubro de 2009

seus olhos tem a cor do mar, sempre tão abertos e pulsantes, infinitos, como a alma dela.

2 comentários:

William Wagner disse...

acabei de ler seu recado no meu blog. Achei muito estranho. Nestes últimos tempos tenho refletido demais sobre minha vida. Sobre as coisas em que acredito e sobre o que farei no futuro. Estou terminando o TCC e ano que vem pretendo começar o curso de psicologia na Furb. Sei que este é o meu caminho, principalmente para estudar as idéias do Jung (símbolos/arquétipos/ sonhos).

Tenho muito o que descobrir sobre mim e o mundo ao meu redor. Sei que alguns sinais incoscientes estão me indicando o caminho a seguir daqui para frente, coisas um tanto malucas, mas que sei possuirem ligação com estes seus sonhos. Minha vida é uma busca, uma busca em direção da verdade...a minha verdade.

Olha, tenho muitas saudades moça. Sei que você anda pensando demais (risos)e os sonhos são algo fantástico e revelam muitas coisas (claro, para aqueles que acreditam).

Eu, tenho acreditado muito naquilo que não consigo entender.

Mês que vem termino o TCC e depois disso começo a escrever novos contos. Tenho algumas idéias malucas, e quando terminar eles, te envio para vc dar uma olhada.

A gente se fala no MSN, até lá.

William Wagner disse...

Eu sei que não é fácil me achar na internet. Quando minha situação financeira melhorar, eu coloco uma conexão decente (se é que um dia isso vai acontecer).

Faço o seguinte, quando eu terminar o TCC te entrego um cd com os dois trabalhos. Acho que vc vai gostar (ambos sobre o G8 e as mudanças climáticas).

Sobre os seus sonhos, uma coisa me deixou intrigado: quando vc falou que eu era dois...É provável que isso me faça pensar sobre " minha sombra" por algum tempo.

Não sei te explicar bem, mas tudo isso aconteceu de repente ( essa coisa de sombra, que eu fui saber depois que era uma idéia do psicólogo Jung), aí comecei a me interessar sobre o nosso lado obscuro da mente/alma.

Olha Tati, é muito bom saber que vc está mudando. Isso é o sinal de que muitas coisas ainda vão te intrigar, o que eu acho muito legal. Olhar para dentro de nós e enxergar os demônios internos, pode ser terrível e doloroso, mas faz parte do caminho.

Hoje à noite entro no MSN. Se eu conseguir te achar a gente conversa com mais calma.

Cuide-se.